IMPOSTÔMETRO:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER --

ANÚNCIO:

ANÚNCIO:

domingo, 20 de novembro de 2016

dia da consciencia negra ---- Paródias - Preconceito e Diversidade.



Paródia:Dança moreninha!
Música:Plantei uma cebolinha (Dança negrinha)

Plantei uma sementinha de bondade e amor,
Então ela nasceu, brotou logo, germinou...

Cresceu, cresceu... esticou, esticou!
Espalhou por toda a terra, ó que linda ela ficou!

Um galho chegou, na Amazônia brasileira...
Ó quantos indiozinhos, venham cá pra brincadeira!

Outro galho chegou, bem lá do outro lado!
Olha só os japoneses, são amigos e educados.

Mas um galho bem maior, ó que forte emoção...
Na África chegou, capotou meu coração!

Tum, tum, tum... Ó que linda moreninha!
Seus olhos são redondos, sua pele escurinha!

Tum, tum, tum... bate forte seu tambor!
Tum, tum, tum... como é grande meu amor!

Dança moreninha, eu não sei dançar!
Então entra na roda que eu vou te ensinar!

Mari Barbosa


Música:Olha a negra vencendo a luta
Paródia:Negra do cabelo duro

Olha a negra vencendo a luta,
A luta popular!
Fazendo uma sociedade,
Mais digna pra se morar!

Olha ela aí, olha ela aí!
Lutando pra acabar! Com o quê?
Com o preconceito!
E a vida melhorar!

Olha ela aí, olha ela aí
Lutando pra ganhar! O quê?
Ganhar a confiança,
De andar em todo lugar!

Paródia:Anti Racista
Música: Como vovó já dizia

Eu sou brasileiro minha raça é multicor
Branco negro ou amarelo, cada um tem seu valor
Eu sou brasileiro minha raça é multicor
Diga não ao preconceito, mostre que se educou (refrão)
Eu sou brasileiro, bisneto de africano, neto de europeu,
Sangue cheio de mistura e em nossa etnia,
Não existe raça pura...
Eu sou brasileiro, minha raça é multicor
Vou respeitar meu irmão, não importa a sua cor
Eu sou brasileiro, minha raça é multicor
Diga não ao preconceito, mostre que se educou
Quem é informado, não esconde sua cor
Quem tem preconceito, a burrice comprovou
Julgue as pessoas pelo seu real valor....
Eu sou brasileiro, minha raça é multicor
O Brasil é um país, colorido sim senhor
Eu sou brasileiro,minha raça é multicor
Diga não ao preconceito, mostre que se educou
A nossa cultura na mistura se fundiu,
Nossa pátria amada, nosso peito varonil, miscigenação
Isso sim é o Brasil!

Paródia:Extravasa o preconceito
Música:Extravasa
.
Dominou geral
Sacudiu a raça
Sem preconceito é massa
Mandela chegou
Apartheid passa
E a galera embala

Tem que ter
Um respeito pra dizer que é
Vem dizer
A todo mundo que respeito e amor
Tem que ter
Na nossa vida pra nos embalar
Refrão:

Extravasaa

Joga o preconceito pra lá
Eu quero ser feliz antes de mais nada
Extravasaaa
E joga o preconceito pra lá
(Rap)

Sem preconceito no movimento
A atividade que abala
Mais veloz que o vento
Cheio dito na idéia do meu papo reto
Ajuda o negro que estiver por perto
Chega de problema quero solução
Ô cale a boca,escute a voz que vem desse povão
Respeitanto sem limites

Tem que ter
Um respeito pra dizer que é
Vem dizer
A todo mundo que respeito e amor
Tem que ter
Na nossa vida pra nos embalaaaaar...

Créditos: Segregação Racial



Cartões tema diversidade - Somos Diferentes

Cartões tema diversidade - Somos Diferentes

Dia da Consciência Negra - Atividades

Dia da Consciência Negra - Atividades

Dia da Consciência Negra - Atividades
Dia da Consciência Negra - atividades

Dia da Consciência Negra - atividades

Dia da Consciência Negra - atividades

Dia da Consciência Negra - atividades



http://www.soescola.com/2016/11/dia-da-consciencia-negra-atividades.html

ATIVIDADES DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA...

ATIVIDADES DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA...

CONSCIÊNCIA NEGRA




CONSCIÊNCIA NEGRA


Confira mais Atividades com o tema (DATAS COMEMORATIVAS)


CONSCIÊNCIA NEGRA




CONSCIÊNCIA NEGRA




CONSCIÊNCIA NEGRA




CONSCIÊNCIA NEGRA

O dia 20 de Novembro foi escolhido como uma homenagem a Zumbi dos Palmares, data na qual morreu, lutando pela liberdade do seu povo no Brasil, em 1695. Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares, foi um personagem que dedicou a sua vida lutando contra a escravatura no período do Brasil Colonial, onde os escravos começaram a ser introduzidos por volta de 1594. Um quilombo é uma região que tinha como função lutar contra as doutrinas escravistas e também de conservar elementos da cultura africana no Brasil.


Em 2003, no dia 9 de Janeiro, a lei 10.639 incluiu o Dia Nacional da Consciência Negra no calendário escolar. A mesma lei torna obrigatória o ensino sobre diversas áreas da História e cultura Afro-Brasileira. São abordados temas como a luta dos negros no Brasil, cultura negra brasileira, o negro na sociedade nacional, inserção do negro no mercado de trabalho, discriminação, identificação de etnias etc.
Feriado no Dia da Consciência Negra
Em 2011, a presidente Dilma Roussef sancionou a lei 12.519/2011, que criou a data, mas que não obriga que ela seja feriado. Isso significa que ser feriado ou não vai variar de cidade para cidade. O Dia da Consciência Negra é um feriado em mais de 800 cidades brasileiras.

http://www.atividadesparaprofessores.com/2016/05/atividades-dia-da-consciencia-negra.html

A velha Contrabandista - AVALIAÇÃO 5º Ano...

A velha Contrabandista




Diz que era uma velhinha que sabia andar de lambreta. Todo dia ela passava pela fronteira montada na lambreta, com um bruto saco atrás da lambreta. O pessoal da alfândega – tudo malandro velho – começou a desconfiar da velhinha.

Um dia, quando ela vinha na lambreta com o saco atrás, o fiscal da alfândega mandou ela parar. A velhinha parou e então o fiscal perguntou assim para ela:
 
- Escuta aqui, vovozinha, a senhora passa por aqui todo dia, com esse saco aí atrás. Que diabo a senhora leva nesse saco?

A velhinha sorriu com os poucos dentes que lhe restavam e mais os outros, que ela adquirira no odontólogo e respondeu:

 - É areia!

Aí quem sorriu foi o fiscal. Achou que não era areia nenhuma e mandou a velhinha saltar da lambreta para examinar o saco. A velhinha saltou, o fiscal esvaziou o saco e dentro só tinha areia. Muito encabulado, ordenou à velhinha que fosse em frente. Ela montou na lambreta e foi embora, com o saco de areia atrás.

Mas o fiscal ficou desconfiado ainda. Talvez a velhinha passasse um dia com areia e no outro com muamba, dentro daquele maldito saco. No dia seguinte, quando ela passou na lambreta com o saco atrás, o fiscal mandou parar outra vez.

Perguntou o que é que ela levava no saco e ela respondeu que era areia, uai! O fiscal examinou e era mesmo. Durante um mês seguido o fiscal interceptou a velhinha e, todas às vezes, o que ela levava no saco era areia.
Diz que foi aí que o fiscal se chateou:

- Olha, vovozinha, eu sou fiscal de alfândega com 40 anos de serviço. Manjo essa coisa de contrabando pra burro. Ninguém me tira da cabeça que a senhora é contrabandista.

- Mas no saco só tem areia! – insistiu a velhinha. E já ia tocar a lambreta, quando o fiscal propôs:
 
- Eu prometo à senhora que deixo à senhora passar. Não dou parte, não apreendo não conto nada a ninguém, mas a senhora vai me dizer: qual é o contrabando que a senhora está passando por aqui todos os dias?

 - O senhor promete que não “espaia”? – quis saber a velhinha.

 - Juro – respondeu o fiscal.

 - É lambreta.

1.    Na expressão “manjo essa coisa de contrabando”, a palavra “manjo” quer dizer que o guarda: (0.25)
a)    ás vezes vê contrabando.
b)    Conhece pouco de contrabando.
c)    Engana-se com as pessoas.
d)    Entende de contrabando.

2.    Na expressão “tocar a lambreta”, entende-se: (0,25)

a)    Colocar a mão na lambreta.
b)    Desligar a lambreta.
c)    Ligar a lambreta.
d)    Sair com a lambreta.

3.    Esse texto é: (0,25)
a)    Narrativa com discurso direto
b)    Poesia
c)    Informativo
d)    Narrativa com discurso indireto

4.    O final do texto é surpreendente. Por quê? (0,5)

5.    Você sabe o que é contrabando? O que acha disso? (0,5)

6.    O texto tem _________ parágrafos. (0,35)

Gramática

1.    A palavra velhinha tem três sílabas sendo que a mais forte, ou a que falamos com mais intensidade é a sílaba lhi. Quanto a sílaba tônica (sílaba mais forte da palavra) elas são classificadas em:
·         Oxítonas: quando a sílaba tônica é a última.
·         Paroxítonas: quando a sílaba tônica é a penúltima.
·         Proparoxítonas: quando a sílaba tônica é a antepenúltima.

Retire do texto o que se pede: (0,5 cada)
a)    (§ 2) duas palavras oxítonas______________________________________________
b)    (§11 ) uma palavra paroxítona____________________________________________
c)    (§ 4 e 9)  uma palavra proparoxítona_______________________________________
d)    (§ 8) dois ditongos______________________________________________________
e)    (§ 1) dois hiatos­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­_______________________________________________________
f)     (§ 6) três monossílabos tônicos­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­____________________________________________
g)    (§ 12) um tritongo______________________________________________________


2.    Pontue adequadamente a frase abaixo seguindo as indicações. (2,0)

“PERDOAR NUNCA MATAR”


ü  Para dizer que devemos perdoar sempre.

___________________________________________________________

ü  Para dizer que não devemos perdoar.

__________________________________________________________

3.    Acentue as palavras adequadamente. (2,4)

SANDUICHE – HABITO – TAMBEM – HEROI – MEDICO – CEDULAS


VOCES – CIPO – SAUDE – PROVEM – NINGUEM – PROPOS


http://www.atividadesparaprofessores.com/2016/07/a-velha-contrabandista-avaliacao-5-ano.html