IMPOSTÔMETRO:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER --

ANÚNCIO:

ANÚNCIO:

terça-feira, 21 de julho de 2015

Ford convoca 14.730 Fusion no Brasil para reparar falha na direção


A Ford anuncia nesta semana no Brasil a realização de um recall envolvendo o sedã Fusion. De acordo com a marca, exemplares produzidos no México entre 7 de setembro de 2010 e 28 de fevereiro de 2012 (da geração passada, portanto) devem voltar às concessionárias para reparar uma falha identificada no sistema de direção elétrica. Ao todo são 14.730 unidades envolvidas com chassis de BR129990 até BR332286 (modelos 2011) e CR100012 até CR313284 (modelos 2012).


Em nota, a marca explica que o defeito pode fazer a direção elétrica ficar no modo manual, levando a um aumento no esforço necessário para a realização de manobras, especialmente em baixas velocidades, com consequente risco de acidentes. No reparo será feita atualização do software do módulo de controle da direção elétrica ou substituição da caixa de direção elétrica. Informações adicionais estão disponível através do telefone 0800 703 3673 ou pelo 
site www.ford.com.br.

Da Panela de pressão para micro-ondas? 7 utensílios que facilitarão sua vida na cozinha

Panela de pressão para micro-ondas?

 7 utensílios que facilitarão sua vida na cozinha



 

indicacozinha

 
1.  Nescafé, Dolce Gusto Genio Mini, R$ 799
00aff3c0
Não é apenas uma máquina de café: é uma edição limitada totalmente personalizada com itens de design tradicionais dos modelos da Mini, a icônica marca automotiva da BMW. Viciados em cafeína e design, corram: são apenas 4 mil unidades em todo o Brasil.
 
2. Yonanas, R$ 250
00afe40a

Divertido até no nome, o Yonanas promete tornar mais saudável a sobremesa da garotada ao emulsificar frutas congeladas em um creme com consistência de sorvete em apenas segundos. Mesmo no inverno dá para curtir, misturando o sorvete de frutas a pedaços de bolos e caldas quentes.
 
3.  Panela de pressão para micro-ondas, R$ 610
00afeb63
Para quem tem pavor da pressão tradicional, que tal experimentar a versão de micro-ondas? Com trava de segurança, vedação e válvula de escape, não faz barulho e ainda pode ser levada direto à mesa – onde o tom explosivo de roxo promete fazer bonito, vai dizer?
 
4. Tostador Top50 Expressionist, R$ 449,90
00afe40b
Acabou aquele susto na hora em que o pão pula da torradeira: o modelo conta com temporizador que faz contagem regressiva da tostagem, permitindo saber exatamente quando o pão ficará pronto. São sete níveis de tostagem e capacidade para fatias mais generosas. Como não amar? 
Da Electrolux (0800 728 87 78)

 
5. Micro-ondas MF33S, R$ 1.599
00afe409
Que tal um micro sem prato giratório e que abre de cima para baixo, como um forno tradicional? O modelo ainda oferece, por meio de QR Code, acesso imediato ao passo a passo das receitas contidas nos menus do produto em vídeos produzidos especialmente para o YouTube. 
Da Electrolux (0800 728 87 78)
 
6. Mixer Ariete, R$ 139,90
00aff3bd
Somos apenas apaixonadas por eletrodomésticos no estilo vintage – e o que pode ser mais apropriado para preparar um milk shake como nos anos 1950? Com duas velocidades para misturar o leite com sorvete ou frutas, tem copo de 450 ml, base antiderrapante e faz bonito na bancada de acessórios. Da De’Longhi (0800 770 4010)

 
7. Spicecube, R$ 69,90
00aff3bf
Nada de ficar ocupando as forminhas de gelo: esse conjunto é específico para congelar temperos e ervas secas, preservando aroma e sabor e permitindo o armazenamento de até quatro tipos diferentes, cada um no seu quadrado. Apenas genial. Da Que Cozinha (11 2671-8648)


DONNA DO CLICRBS 

Horóscopo 4ª feira 22 de julho de 2015

ÁRIES: Os acontecimentos do passado não servem para você julgar os atuais. No passado houve muitas traições e isso resultou em desconfiança exagerada e indiscriminada que, agora, atrapalharia muito o andamento de tudo.


TOURO: Se você tiver críticas a fazer e achar que essas são necessárias, então, antes de qualquer coisa, procure dentro de si as palavras mais gentis e ternas possíveis. Isso garantirá que as críticas sejam ouvidas com atenção.


GÊMEOS: Preservar a fé é uma atitude sensata e benéfica, porém, a fé não há de servir para você se convencer que poderia enfrentar tudo e todos sem ajuda de ninguém. Dessa forma a necessária fé se transformaria em arrogância.


CÂNCER: O bom humor não há de servir para negar os acontecimentos, mas para tratá-los com toques de leveza que desarmarão as armadilhas ocultas. O bom humor servirá também para você não se importar com palavras ofensivas.


LEÃO: A impaciência não vai ajudar nesta parte do caminho. Ainda que você não tenha muita presença de espírito para ver que as coisas se repetem sem sair do lugar, neste momento não seria propício tomar atitudes impulsivas.


VIRGEM: Aguarde o desenrolar dos acontecimentos com infinita paciência, você já fez a sua parte e agora será necessário esperar as reações, pois, mesmo que não haja nenhuma isso servirá para você conhecer melhor sua posição.


LIBRA: Foque sua atenção no seu mundo interior, procure detectar quais são os sentimentos que surgem espontâneos diante dos fatos, pois esses servirão para você orientar com eficiência as atitudes que precisar tomar hoje.


ESCORPIÃO: Apegar-se a como as coisas eram é uma maneira romântica de não evoluir. Nenhum passado há de ser considerado melhor do que o presente, quanto menos do futuro que está sendo construído. Que o passado fique em seu lugar.


SAGITÁRIO: Uma dose de satisfação virá a calhar para que o bom humor volte a encher seu peito e, assim, você possa navegar pela realidade com mais soltura e leveza. Busque essa satisfação, é de seu total merecimento.


CAPRICÓRNIO: Certas situações dão raiva, mas seria melhor que você não estacionasse durante muito tempo nesse sentimento, pois o que seria legítimo no início, passados alguns dias seria um veneno que só corroeria você.


AQUÁRIO: Viver intensamente significa também se expor mais do que o necessário, assumindo uma posição vulnerável aos ataques e críticas. Normalmente isso não pesa, mas em certos momentos os ataques tocam fundo na alma.


PEIXES: Expresse seus sentimentos com total honestidade, porém, cuide para não transformar essa virtude na base sobre a qual você se autorize a dizer palavras ofensivas. A honestidade dos sentimentos há de ser inofensiva.



OSCAR QUIROGA DO DIÁRIO GAÚCHO

Cunha despacha 11 pedidos de impeachment contra Dilma Rousseff. Presidente da Câmara explicou que pediu aos autores que adequem juridicamente os documentos antes da apreciação

Cunha despacha 11 pedidos de impeachment contra Dilma Rousseff.

Presidente da Câmara explicou que pediu aos autores que adequem juridicamente os documentos antes da apreciação
 
Cunha despacha 11pedidos de impeachment contra Dilma Rousseff | Foto: Alex Ferreira / Câmara dos Deputados / CP
Cunha despacha 11pedidos de impeachment contra Dilma Rousseff 


Foto: Alex Ferreira / Câmara dos Deputados / CP




O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), explicou nesta segunda-feira que o despacho de 11 pedidos de impeachment da presidente Dilma Rousseff aos seus autores foi para que eles adéquem juridicamente os documentos antes de serem apreciados pela Mesa Diretora.

Na sexta-feira, após anunciar seu rompimento político com o governo, Cunha desengavetou os pedidos, segundo ele, para organizar os documentos que foram protocolados na Câmara nos últimos meses.

“Eu pedi a atualização deles porque o direito não preclui, ou seja, se eu simplesmente arquivo, no outro dia apresenta-se pedido igual, preenchendo os requisitos. Então, eu não preciso me ater aos procedimentos processuais. Para isso, dá-se um prazo e notifica-se para que eles cumpram ou não. Se não cumprirem, serão arquivados de pronto. Quem cumprir, vamos analisar o mérito”, disse.

Um dos requerimentos é de autoria do deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ). Em ofício datado da última sexta-feira, Cunha abriu um prazo de dez dias para Bolsonaro “emendar a denúncia” que formulou contra a presidente da República, “adequando-a aos requisitos da Legislação e do regimento interno da Câmara dos Deputados”.

Cunha também autorizou quatro CPIs

Questionado se é comum a devolução dos pedidos para que sejam corrigidos os erros, Cunha argumentou que fez o que entendeu que deveria ser feito. Além dos pedidos de impeachment, Cunha também autorizou a criação de quatro Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs), cujos requerimentos estavam aguardando uma deliberação da presidência da Casa.

As novas CPIs vão investigar os empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) a empreiteiras investigadas na Operação lava Jato, supostas irregularidades nos fundos de pensão das estatais, maus-tratos contra animais e crimes cibernéticos no país. “A gente (Câmara) tinha feito requerimento para não ter sessão (hoje) e na quinta-feira terminaram as CPIs. Eu não ia deixar vagos os dias como fiz das outras vezes, temos que aproveitar o tempo”, justificou.



C do Povo 

Ford testa faróis capazes de distinguir pessoas e animais

Ford testa faróis capazes de distinguir pessoas e animais


Faróis inteligentes Ford

Ainda em fase de testes, equipamento inteligente será capaz de alertar motorista em caso de perigo no acostamento


Faróis inteligentes Ford
A Ford trabalha no desenvolvimento de uma tecnologia de faróis inteligentes, que vão facilitar a tarefa de localizar obstáculos no acostamento durante viagens noturnas.

Utilizando uma câmera infravermelha, o equipamento é capaz de distinguir entre objetos fixos, animais, pedestres e ciclistas, identificando oito perigos em potencial e iluminando até dois que exijam atenção maior do condutor, emitindo também um alerta na tela da central multimídia.
O equipamento, que também funciona em conjunto com o navegador GPS, faróis adaptativos, o sistema de leitura das placas de sinalização, é capaz também de alargar o facho em rotatórias e cruzamentos, ampliando o campo de visão.




MOTOR SHOW  

Apenas 7,7% aprovam governo Dilma, diz pesquisa CNT

Apenas 7,7% aprovam governo Dilma, diz pesquisa CNT

Avaliação negativa passou de 64,8%, em março, para 70,9% no levantamento realizado entre os dias 12 e 16 de julho

 

A avaliação positiva do governo Dilma Rousseff caiu para 7,7% segundo a 128ª Pesquisa Confederação Nacional do Transporte (CNT/MDA), divulgada nesta terça-feira (21). A avaliação negativa passou de 64,8%, em março, para 70,9% no levantamento realizado entre os dias 12 e 16 de julho. Foram ouvidas 2.002 pessoas, em 137 municípios.
 Foto: Agência Brasil
 
Aprovação do governo Dilma caiu para 7,7% em julho, segundo pesquisa CNT
 
 
Foto: Agência Brasil
A última pesquisa, divulgada em março, mostrou que 10,8% das pessoas ouvidas consideraram positiva a avaliação do governo. Com o atual resultado, o governo teve a menor avaliação positiva registrada pela pesquisa desde outubro de 1999, quando o desempenho do governo do então presidente Fernando Henrique Cardoso foi aprovado por 8% das pessoas.

Em março, 18,9% dos entrevistados avaliaram o desempenho pessoal da presidenta como positivo, 77% avaliaram negativamente e 3,4% não souberam dizer ou não responderam.
Durante a campanha eleitoral, 41% dos entrevistados consideraram o governo de Dilma positivo e 23,5% consideraram negativo. No levantamento feito nos dias 27 e 28 de setembro do ano passado, 35% das mais de 2 mil pessoas ouvidas avaliaram a administração como regular e 0,5% dos entrevistados não souberam ou não responderam no período pré eleitoral. 


TERRA 

Nasa divulga foto épica da Terra após 43 anos. Imagem colorida, capturada no último dia 6, foi obtida combinando três fotos diferentes para obter foto de qualidade

Nasa divulga foto épica da Terra após 43 anos.

Imagem colorida, capturada no último dia 6, foi obtida combinando três fotos diferentes para obter foto de qualidade

 

Uma imensa bola azul envolta pela escuridão profunda: é assim que o planeta Terra, iluminado pelo Sol, aparece no último retrato tirado pela Nasa divulgado nesta segunda-feira (20). 
Essa é a primeira foto que a agência tira desde a famosa "Blue Marble", de 7 de dezembro de 1972, que foi enviada do espaço pela missão Apollo 17. 
Nasa divulga foto épica da Terra após 43 anos
Nasa
 
Nasa divulga foto épica da Terra após 43 anos
 
 
A imagem colorida, capturada no último dia 6, foi obtida combinando três fotos diferentes para obter um retrato de qualidade. No primeiro plano, ela mostra a América do Norte e Central, enquanto a cor turquesa aparente refere-se ao cristalino mar caribenho. A "tinta" azul que surge do planeta ocorre pela difusão da luz solar sobre as moléculas da atmosfera. 
A foto foi tirada a uma distância de mais de 1,5 milhões de quilômetros pela câmera Epic (Earth Polychromatic Imaging Camera) que está a bordo do satélite Deep Space Climate Observatory (Dscovr). O equipamento é o mesmo que retratou as tempestades solares, divulgadas no último mês de fevereiro. 
A beleza do planeta na foto é tanta que até o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, escreveu sobre o fato. "Acabei de receber essa nova foto da Terra da Nasa. Uma linda lembrança de que nós precisamos proteger o único planeta que temos", postou o mandatário em sua conta pessoal no Twitter.


I G 

Ministério anuncia regras para adesão ao Programa de Proteção ao Emprego. Objetivo é ajudar empresas que estão contratando menos para que elas não reduzam capacidade produtiva

Ministério anuncia regras para adesão ao Programa de Proteção ao Emprego.

Objetivo é ajudar empresas que estão contratando menos para que elas não reduzam capacidade produtiva
A partir de amanhã, as empresas já poderão aderir ao programa | Foto: Vinicius Roratto / CP Memória
A partir de amanhã, as empresas já poderão aderir ao programa 

Foto: Vinicius Roratto / CP Memória




As regras estabelecidas para o Programa de Proteção ao Emprego (PPE) foram apresentadas hoje (21), pelo comitê interministerial responsável pela sua elaboração. Para fazer parte do PPE, uma das exigências será a de que as empresas se adequem ao chamado Indicador Líquido de Emprego (ILE), calculado com base nas demissões e admissões acumuladas nos 12 meses, contados a partir do mês anterior ao de solicitação de adesão ao programa.

As empresas que quiserem aderir ao PPE precisam ter o ILE de até 1%. Ou seja, se ela contratou, em 12 meses, 100 trabalhadores e demitiu no mesmo período 120 empregados, estará com uma geração de emprego formal negativa de 20 postos de trabalho. Dividindo este déficit de emprego por mil (estoque de trabalhadores na empresa em 12 meses) se chegará ao percentual de empregos gerados, no período, de -2%. Este indicador possibilitaria a empresa de credenciar-se no PPE.

Sindicatos

Além do indicador, a empresa precisa demonstrar regularidade fiscal, previdenciária e relativa ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Também precisa firmar acordos coletivos sobre as jornadas e os salários com os sindicatos que representam os trabalhadores. O presidente da Nova Central Sindical dos Trabalhadores, José Calixto Ramos, disse que o programa foi visto como uma forma de amenizar o processo de demissão.

As empresas integrantes ficam proibidas de dispensar arbitrariamente, ou sem justa causa, os empregados que tiverem sua jornada de trabalho temporariamente reduzida enquanto vigorar a inscrição no programa e, após seu término, durante o prazo equivalente a um terço do período de adesão.

“O sindicato é o principal ator desse processo e durante o período que o acordo estiver firmado não poderá ter demissão. Há uma perda que podemos dizer, até relativa, mas entre esta perda e o emprego, ainda é preferível manter o emprego”, ressaltou Calixto.

Governo

O secretário executivo da Secretaria-Geral da Presidência da República, Laudemir Muller, disse que o objetivo central é manter empregos. Acrescentou que o programa atuará junto às empresas que ainda estão gerando vagas. Segundo ele, as empresas que já começaram a demitir, reduzindo o número de vagas, também possam aderir ao PPE.

No entanto, Muller ressaltou que o foco do governo é fazer com que as empresas que ainda estão gerando empregos, mas encontram-se em “situação de dificuldade econômica e financeira” possam diminuir o ritmo de contratação, mas preservem os empregos de seus funcionários.

Para o secretário, ao aderir ao PPE, as empresas podem se preparar melhor para a retomada do crescimento da economia. “Nós acreditamos que já no segundo semestre haja uma retomada do nosso crescimento. Quem aderiu ao PPE e tiver o seu setor preparado, com seus trabalhadores empregados, terá mais agilidade e capacidade no crescimento econômico”.

A partir da publicação das regras, que deve acontecer amanhã (22), as empresas já poderão requerer a adesão ao PPE. O presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Moan, disse que o programa é estruturante e necessário para o momento que o país atravessa.

Congresso Nacional

O ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, reforçou que o foco do programa é a manutenção dos empregos. O PPE permite a redução temporária da jornada de trabalho, com diminuição em até 30% do salário. O governo arcará com 15% da redução salarial usando recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). A expectativa de Manoel Dias é de que a medida provisória (MP) que criou o programa será aprovada sem dificuldades, pelo Congresso.

“ Os senhores senadores e deputados terão a sensibilidade de avançar e aprovar até porque vão receber também pedidos dos empregadores e trabalhadores”. Perguntado se o rompimento do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), com o governo poderia prejudicar a tramitação da MP, o ministro disse que o Congresso não age de maneira individual.

A seu ver, Cunha adotou uma posição pessoal que deve ser respeitada . “Agora, o Congresso funciona no coletivo e o coletivo tem consciência dos seus deveres e obrigações e o Congresso nunca faltou ao Brasil”, acrescentou.


AGÊNCIA BRASIL / C DO POVO 

Intenção de consumo das famílias cai 27% em um ano, aponta pesquisa. Os dados são da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A entidade mostra que, quando a comparação é com julho do ano passado, a queda é maior: 27,9%

Intenção de consumo das famílias cai 27% em um ano, aponta pesquisa.

Os dados são da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A entidade mostra que, quando a comparação é com julho do ano passado, a queda é maior: 27,9%

Intenção de consumo das famílias cai 27% em um ano, aponta pesquisa Porthus Junior/Agencia RBS
 
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
 
 
A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) caiu 5,3% em julho deste ano na comparação com junho, informou nesta terça-feira, 21 de julho, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).
Segundo a entidade, quando a comparação é com julho do ano passado a queda é bem maior: 27,9%.
Com a queda, o indicador de julho, em relação ao mês anterior, atingiu 86,9 pontos. Quanto mais baixa é a pontuação em relação a 100, mais pessimista é o cenário de consumo do país.
A queda chegou a 27,9% na comparação com o mesmo mês do ano passado. A intenção de consumo mantém o ritmo de queda pelo sexto mês consecutivo, permanecendo abaixo dos 100 pontos.
A comparação mensal do nível de confiança das famílias com renda maior que dez salários mínimos atingiu, em julho, 6,5% (85,1 pontos), o que indica recuo superior ao registrado entre aquelas com renda inferior a dez salários mínimos, que foi 5,1% (87,4 pontos).
A pesquisa, que ouviu consumidores nas capitais do país, mostra que todos os indicadores ligados ao consumo estão na zona negativa. O componente Nível de Consumo Atual, por exemplo, ficou em 67,2 pontos, em julho, com queda de 4,4% em relação a junho, e de 32,5% em relação ao mesmo período de 2014. Mais da metade das famílias (51,5%) declararam estar com o nível de consumo menor que o do passado.



Agência Brasil

Sadia, Seara e Perdigão brigam na TV e nos tribunais

Sadia, Seara e Perdigão brigam na TV e nos tribunais

Propaganda da Perdigão: resposta à Seara no meio da briga entre BRF e JBS
Foto Reprodução 
 
 
Duas gigantes do setor alimentício vêm travando uma batalha judicial no campo da publicidade há algumas semanas

De um lado, a BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão. Do outro, a JBS, dona da Seara. Entre elas, comerciais e estratégias de marketing para dominar o mercado dos presuntos, salsichas, linguiças e outros alimentos processados.
Quando Sadia e Perdigão se fundiram, criando a BRF, em 2011, o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) exigiu que a Perdigão ficasse de fora de alguns segmentos do mercado por um período.
Nesse intervalo, a Seara da JBS aproveitou a brecha para investir pesado e dominar o setor. Recentemente, contratou a apresentadora Fátima Bernardes para ser sua grande estrela e garota-propaganda.
Agora, com a volta da Perdigão na concorrência, a BRF tenta retomar o espaço perdido.


Seara x Sadia


A briga começou depois de uma nova propaganda da Seara, que brincou com a semelhança dos nomes Seara e Sadia e a primeira letra "S" da palavra.
Duas crianças falam que querem "aquele presunto que começa com 'S' e termina com 'A'". A mensagem induz o consumidor a lembrar, claro, da Sadia. Quando falam sobre as qualidades e vantagens do produto, deixam claro que estão falando da Seara.
Mas, sutilmente, a comparação entre as duas concorrentes foi feita. A criação foi da agência WMcCann.
A BRF não gostou nem um pouco e pediu a suspensão da campanha, pedido acatado pela 3ª Vara Cível da Capital no dia 8 de julho.
Mas, no dia 13, o Tribunal de Justiça de São Paulo revogou a suspensão do comercial. O caso ainda não tem desfecho certo, mas deverá ser resolvido nos tribunais.


Sadia x Seara


No mesmo período, uma campanha da Sadia foi notificada pelo Conar (Conselho de Autorregulamentação Publicitária) depois de denúncia da Seara.
No comercial do "atendente gato", que serve alimentos no mercado para mulheres deslumbradas com sua beleza, havia frases com adjetivos como "melhor", "inigualável" e "incomparável".
Contudo, comerciais só podem usar frases que promovam sentido de superioridade e comparação quando há pesquisas oficiais sobre o assunto.
Assim, o Conar acatou a denúncia e pediu que a Sadia alterasse a sua propaganda. A decisão aconteceu na reunião de 2 de julho.


Resposta da Sadia: Perdigão


A maneira da Sadia responder à Seara foi ativar a outra marca forte da BRF, a Perdigão.
Os apresentadores Luciano Huck e Angélica foram para o front da batalha.
Na sexta (17), a empresa estreou um filme com o casal, criando pela DM9DDB, onde falam sobre "evitar surpresa" e "vai na certeza".
As frases rebatem diretamente o texto da Seara, cujo vídeo traz Fátima Bernardes falando para "sair do automático, você vai se surpreender".
Eles ainda destacam que a salsicha Perdigão é a mais vendida no Brasil e, portanto, a preferida dos brasileiros e dos vendedores de hot dog.
A marca ainda passará a patrocinar o Jornal Nacional - antes, posto da Sadia.
A estratégia da BRF é fortalecer a Perdigão, já que a Seara concorre principalmente com esta, não com a Sadia ou a BRF como um todo.
Segundo pesquisas da Nielsen, entre 2013 e 2015 a BRF perdeu participação no mercado de alimentos industrializados, caindo de 52,8% para 50,8%.
Já a JBS cresceu, passando de 10,7% para 12,8%.


Batalha no Conar


Na última reunião do Conselho de Ética do Conar, no dia 16 de julho, nada menos que cinco casos envolvendo BRF e JBS foram julgados.
Quatro representações eram contra a Sadia.
Duas denunciavam a propaganda da linguiça Sadia, que falava que tinha 30% menos sódio. Ambas foram arquivadas por unanimidade.
Outras duas denunciavam a propaganda dos nuggets da Sadia, que falava que tinha 100% peito de frango. Também foram arquivadas, mas por maiorias de votos.
Já a denúncia contra a Seara era um recurso ordinário da Sadia contra a propaganda do presunto Seara (com a questão das letras 'S' e 'A'). O Conar arquivou por unanimidade.


MSN

Poeta Francisco Soares Neto morre durante apresentação


Francisco Soares Neto se apresentava durante o evento Cutucando a Inspiração e passou mal quando se levantou para pegar o violão 

O poeta e educador Francisco Soares Neto, de 51 anos, morreu na noite da última sexta-feira (17). O artista se apresentava durante o evento Cutucando a Inspiração, realizado na Galeria Júlio Moreira, no Teatro Universitário de Curitiba (TUC). Soares recebeu pronto atendimento, ainda no local, mas não resistiu. 

Luiz Carlos Brizola, organizador da Feira do Poeta, lamentou a morte do amigo nas redes sociais. “Notei seus últimos momentos quando levantou-se para pegar seu violão, para começar a grande apresentação, mas nos primeiros acordes, do nada tombou no chão, quase todos sem entender, pensamos fazer parte de uma performance, mas infelizmente sem percebermos, ali estava chegando a sua derradeira hora. Que Deus cuide de sua alma.” 

Em nota, A Fundação Cultural de Curitiba também lamentou o falecimento do artista.

Fonte: GAZETA DO POVO

IGP confirma, corpo encontrado no rio é de jovem desaparecido. Trata-se de João Maria Guedes Garcia (19).


O jovem estaria há dias na água em função do estado do corpo 

O corpo de um homem, jovem, foi encontrado dentro do Rio do Peixe no Bairro Panazzolo na tarde desse domingo (19). O corpo foi retirado das águas e recolhido por técnicos do IGP. O fato foi na Rua Caçador, próximo a ponte nova. O Corpo de Bombeiros e Polícia Militar isolaram a área antes da chegada do IGP. Ao que tudo indicava desde o começo, o jovem estaria há dias na água em função do estado do corpo. 
Em função de ser uma pessoa de pele negra e com características parecidas, desde o começo suspeitava-se de que era o jovem morador do Farroupilha, que estava desaparecido desde a madrugada do sábado (11). Trata-se de João Maria Guedes Garcia (19).Também não se sabe a causa da morte, podendo ser suicídio, acidente ou assassinato. A causa da morte poderá ser afirmada somente depois de perícia do IGP. 

Jovem do Farroupilha está desaparecido

Fonte: Radio vitoria

Telegrama mostra ajuda de Lula a Odebrecht, diz jornal


MPF investiga ex-presidente sobre possível tráfico de influência em projetos da empreiteira no exterior 

Telegramas trocados entre o Itamaraty e diplomatas brasileiros no exterior indicariam que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva teria intercedido em Portugal em favor da Odebrecht, segundo o jornal O Globo. Tanto o Instituto Lula quanto a empreiteira sustentam que o ex-presidente é contratado para proferir palestras e negam lobby ou tráfico de influência no caso. 

Em correspondência enviada em 2014, o embaixador brasileiro em Lisboa Mario Vilalva diz que "repercutiu positivamente na mídia" a declaração de Lula de que empresas brasileiras devem se engajar na aquisição de estatais portuguesas. Segundo o jornal, teria havido menção específica à Odebrecht em conversa privada. "O ex-presidente também reforçou o interesse da Odebrecht pela EGF (Empresa Geral de Fomento) ao primeiro-ministro Pedro Passos Coelho, que reagiu positivamente." O Instituto Lula diz que o ex-presidente só "comentou o interesse", que já era público e que ele "não recebeu, não recebe e jamais receberá pagamento de qualquer empresa para dar consultoria, fazer lobby ou tráfico de influência". A Odebrecht disse ter pago as despesas da viagem, dado que o ex-presidente havia sido contratado para uma palestra. A empreiteira não ofereceu proposta na privatização da EGF. 

A relação entre Lula e a Odebrecht deu origem a uma investigação no Ministério Público Federal do Distrito Federal, para saber se houve tráfico de influência em projetos no exterior, incluindo os financiados pelo BNDES.

Fonte: CORREIO DO POVO